O CINÓFILO DE ESTINFALE

.

Pulgas indo,

   pulgas vindo,

entrando e saindo,

não são bem-vindas.

Teus ossos caninos,

o corpo franzino.

Um sino soa fino,

ou um címbalo…                      Siphonapteras fugindo.

 

.

No continente europeu, mais precisamente na Grécia Antiga, cães eram relacionados aos deuses da cura, com templos que abrigavam dezenas deles para que os doentes pudessem ser levados até lá e terem suas feridas lambidas. (via Wikipédia)

Cardeal, 20 de junho de 2011

.

Cláudio Guilherme Alves Salla

cc -Some rights

.

Publicado originalmente AQUI.

Anúncios

~ por C. Guilherme A. Salla em 05/08/2011.

2 Respostas to “O CINÓFILO DE ESTINFALE”

  1. Olá, Guilherme, passando por aqui pela primeira vez. Parabéns bela página. Siga sempre. Poesia é assim …

  2. Sigo sim, não consigo…

    Valeu!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: